28 de janeiro de 2012

NEUROCIENTISTA EXPLICA SOBRE MEMÓRIA

Neurocientista explica como a memória nos faz ser quem somos...

No livro "Memória" (L&PM Pocket, 2011), o neurocientista Jonathan K. Foster explica o funcionamento do cérebro...
"O especialista usa estudos recentes da área para explicar de que forma nossa mente age na construção de conhecimentos, habilidades e lembranças e como este ato pode ser voluntaria ou involuntariamente manipulado para a criação de falsos acontecimentos. "
http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/999881-neurocientista-explica-como-a-memoria-nos-faz-ser-quem-somos.shtml

Psicólogos explicam.."Por que as Máscaras Caem?

Psicólogos explicam por que existe um monstro em cada um de nós...

"Por que as Máscaras Caem?", dos psicólogos David DeSteno e Piercarlo Valdesolo, explica por que as pessoas são capazes de grandes mudanças de conduta, mesmo quando parecem ter um caráter estável e sólido como pedra.

Baseados em suas próprias pesquisas, os autores demonstram que as pessoas não são unidimensionais e dependem de uma constante batalha interna entre suas crenças, seus valores e seus sentimentos. Por isso, todos teríamos um lado negro --como "O Médico e o Monstro" -- ao qual tentamos evitar.
No livro, a dupla expõe a maneira com que emoções como raiva, ciúme e angústia agem no ser humano e fazem, por exemplo, com que alguém tenha reações impensadas e violentas, mesmo quando costuma ser bondoso no seu dia a dia. Na trilha oposta, esclarecem como os sentimentos bons agem sobre nós e fazem com que uma pessoa considerada incapaz de realizar algo positivo seja generosa e filantrópica.

DeSteno e Valdesolo revelam ainda porque o amor de nossas vidas pode, de um dia para o outro, se converter em um mero estranho, discutem o ódio e a tolerância, alertam para o perigo em julgar demais as pessoas e sugerem formas de lidar com a quebra de confiança.

Por fim, os psicólogos recomendam formas com as quais podemos assumir um maior controle sobre nosso próprio caráter.

PORQUE A ÊNFASE: "...as pessoas não são UNIDIMENSIONAIS e dependem de uma constante batalha interna entre suas crenças, seus valores e seus sentimentos. Por isso, todos teríamos um lado negro --como "O Médico e o Monstro" -- ao qual tentamos evitar.
"Vírus da mente" cria geração do piloto automático
"Vírus da Mente" foi escrito por Richard Brodie, cultuado por gerações de nerds como o criador do Microsoft Word, programa de texto utilizado em todo o mundo. Ele também se especializou na "memética", o estudo dos aspectos autorreplicadores da cultura. Mas o que isso quer dizer?

"Vírus da Mente" vai fazê-lo pensar sobre pensamentos, com o perdão da redundância. Como assim? Você descobrirá que muito do que você fala, defende, critica, julga, odeia, venera foi implantado em sua mente por poderosas estruturas, como a religião, a publicidade, a TV, o cinema, os jornais, as revistas, os gibis, a internet, seus ídolos, amigos...
Brodie sustenta que o homem é infectado pelos "vírus da mente", os memes, ideias que são marteladas desde a nossa infância, uma repetição potencializada pela internet, as redes sociais, em que vamos incorporando, sem perceber, novas percepções da realidade. As sutilezas desses processos de "contaminação" são esmiuçados pelo autor neste livro.

Comos somos programados

"Há dois tipos de pessoas no mundo: as que entram numa sala e ligam a televisão, e as que entram numa sala e a desligam." (Raymond Shaw, protagonista do filme "Sob o Domínio do Mal")

Aqui está o capítulo pelo qual vocês todos esperavam. Nele ensinarei tudo que vocês precisam saber para manipular pessoas, usando memes e botões genéticos, para levá-las a fazer exatamente aquilo que vocês querem que elas façam. He-he-he...

Você sabe o que é um meme - um pensamento, uma crença ou atitude em sua mente, que podem ser transmitidos para outras mentes, ou delas para a sua. Você sabe que nós, seres humanos, somos o veículo para a evolução dos memes. Você entende como a evolução funciona por meio da seleção natural - a sobrevivência dos mais aptos. E também já sabe como nossa evolução genética nos dotou de "botões": tendências a prestar especial atenção a certas coisas - principalmente ao perigo, ao alimento e ao sexo - que nos ajudaram a sobreviver e a nos reproduzir nos tempos pré-históricos.
Agora vem a parte assustadora e desconcertante:

Os memes entram em nossa mente sem pedir permissão. Eles se tornam parte de nossa programação mental e influenciam nossa vida sem que nós nem mesmo tenhamos consciência disso.

Neste capítulo, mostrarei como somos programados por novos memes e começarei a discutir o que podemos fazer para impedir a infecção por programação indesejáveis.

Infecção por memes

Somos infectados por novos memes de três modos distintos. Vou apresentá-los agora e, mais adiante, discutirei cada um mais detalhadamente.

- O primeiro modo de infecção é o que ocorre por condicionamento, ou repetição. Se ouvirmos alguma coisa sendo repetida muitas vezes, ela se tornará parte de nossa programação. Os publicitários e vendedores sabem disso muito bem. Qualquer bom livro sobre vendas deixa claro que a maioria dos clientes só se decide a comprar algo depois de cinco a sete tentativas do vendedor. É preciso repetir tantas vezes assim para implantar no cliente o meme "compre-me".

- O segundo modo ocorre por meio de um mecanismo conhecido como dissonância cognitiva. Quando as coisas não fazem sentido, nossa mente luta para torná-las compreensíveis e lógicas.

Imagine, por exemplo, que um amigo esteja chateado com você, mas que você não sabe por que ele está assim. Você tem dois memes em conflito - amigo e chateado amigo. Para resolver o conflito, ou a dissonância, você cria novos memes, reorganizando sua programação memética para que as coisas voltem a fazer sentido. "Ah, ele está chateado porque pagou o almoço nas últimas três vezes", talvez você conclua. Certo ou errado, você agora tem um novo meme sobre seu amigo e o almoço, e esse meme vai influenciar seu comportamento futuro.

Ouvi dizer que os gênios formulam suas ideias originais mais brilhantes por meio da dissonância cognitiva autoimposta. Como você pode ver, então, esse método de programação funciona particularmente bem com pessoas inteligentes, porque, na verdade, você acredita que o novo meme é ideia sua.
 O terceiro modo como os memes entram em nossa mente consiste em tirar vantagem de nossos botões genéticos à maneira do cavalo de Troia. Como vimos, por causa de nossa natureza há certas coisas às quais tendemos a ficar especialmente atentos, como os avisos de perigo, os gritos de crianças e a atração sexual. Somos suscetíveis e feixes de memes que acionam nossos botões em busca de atenção e, depois, introduzem sorrateiramente alguns outros menes junto com eles.

O fato de sermos simplesmente programados por novos memes não é igual a pegar um vírus mental plenamente desenvolvido, mas os vírus mentais recorrem a um desses métodos, ou a todos eles, quando fazem sua invasão inicial de nossa mente. No final deste capítulo, vou juntar tudo e mostrar como esses ingredientes variados se combinam para criar os vírus da mente.
.

http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/889132-virus-da-mente-cria-geracao-do-piloto-automatico-mostra-criador-do-word.shtml
.
.
.
Então, considero conhecer a "natureza humana como parte do autoconhecimento", no aqui e agora....!
Pesquisa: Ceiça Castro
Imagens: pequenacompanhiadeteatro.blogspot.com
                  peliculasdabeeh.blogspot.com
                   fu2re.wordpress.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA
Deve-se estar sentado confortável com a coluna vertebral bem direita. Começamos por inspirar profundamente pelo nariz e expiramos pela boca. Visualizamos a inspiração em energia branca e pura e a expiração levando todas as toxinas e energias negativas em névoas negras. Seguidamente concentramo-nos na energia do universo, das estrelas, dos planetas e focalizamo-nos em inspirar essa energia, preenchendo-nos completamente com ela. Sentimos o nosso corpo envolvido e preenchido com essa energia de paz e amor universal. Mantemos esta sensação durante cerca de dois minutos e depois, lentamente, pensamos somente em inspirar paz. Pensamos na paz e concentramo-nos na respiração desse sentimento, um sentimento de paz. Quando expiramos, enviamos paz também para o universo, preenchendo-o. Fazer esta respiração durante cerca de dois minutos e está-se pronto para a Meditação da Luz Dourada. Visualizamos de seguida, que inspiramos uma luz dourada. Sentimo-la a entrar para os nossos pulmões e a espalhar-se por todo o nosso corpo. Fazêmo-lo nove vezes. Passamos a respirar regularmente pelo nariz. Depois, começamos a visualizar uma linha dourada desde a base da espinha até ao topo da cabeça. Visualizamos essa linha dourada da grossura de um fio de electricidade. Fazêmo-lo nove vezes. Visualizamos então a grossura do fio dourado a aumentar lentamente até atingir a grossura de um lápis. Sentimos a luz dourada desde a ponta da espinha até ao topo da cabeça. Novamente sentimos a expansão da grossura da luz dourada até atingir a grossura de um dedo a fluir desde o topo da cabeça até à base da espinha. Agora, sentimos a luz a expandir-se para uma coluna de luz dourada que flui desde a base da espinha até o topo da cabeça. Visualizamos esta bela coluna de luz dourada a expandir-se lentamente até nos envolver completamente todo o corpo. Ficamos a sentir, pacificamente, essa luz dourada a envolver-nos. Agora, lentamente visualizamos a coluna de luz que nos envolve, a transformar-se num grande ovo de luz dourada que nos envolve completamente. Sentimos a sua paz e também a sua protecção. Tudo o que está dentro desse ovo cintila de energia, alimenta a nossa aura de energia e fortalece-a. Ficamos durante cerca de dois minutos sentindo-nos envolvidos por esse ovo de luz dourada. Depois, começamos a visualizar o encolhimento do ovo dourado. Primeiro sentindo-o voltar à forma de coluna, e depois lentamente sentimo-la encolher até à base da espinha e ao topo da cabeça. Depois sentimo-la a encolher lentamente até ficar do tamanho de um dedo, depois de um lápis, e finalmente, da grossura dum único fio dourado. Agora, sentimos a energia desse fio dourado a fluir desde a base da espinha até ao topo da cabeça e focalizamo-nos no ponto de intersecção das linhas do terceiro olho e do topo da cabeça. Respiramos por nove vezes, sentindo a energia da luz dourada nesse local da cabeça e depois, deixamos a energia fluir de novo para a boca, estômago, baixo abdómen, deixando-a dissolver-se aí lentamente. Respiramos fundo mais umas quantas vezes e sentimos toda a paz e protecção que essa luz dourada nos proporcionou. Sentimos que podemos fazer esse exercício sempre que quisermos, envolver-nos nessa luz dourada e fortalecer a nossa aura com a sua protecção e energia.

Seguidores

Follow by Email

“O que for a profundeza do teu ser, assim será teu desejo.

O que for o teu desejo, assim será tua vontade.

O que for a tua vontade, assim serão teus atos.

O que forem teus atos, assim será teu destino.”

Brihadaranyaka Upanishad

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.
Seja LUZ !!!

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR
Desperte para a regeneração da alma e do próprio corpo físico, começando por se desintoxicar daquilo que desequilibra a tua saúde física. Depure e purifique teus pensamentos, olhando mais para o Sol da verdade, do que para as nuvens da ignorância. Quem se faz luz não teme a escuridão, nem nevoeiros passageiros. Sabe que tudo que não for essencialmente divino, passa e se transmuta. Sendo assim, transmute-se!