21 de abril de 2014

CHUVA DE METEOROS 21 E 22 DE ABRIL

Imagem da queda e explosão de meteoro, em Chelyabinsk, na Rússia em 15/02/2013



Mal passou o Eclipse Lunar Total do dia 15 e já temos outro evento no céu para você. A chuva de meteoros é causada pelo rastro da passagem de um cometa. Os detritos da pedra de gelo ficam pelo caminho e, quando a Terra passa por esse rastro, eles queimam na entrada da atmosfera e viram os meteoros. O cometa que causa as Liríadas é o Thatcher, descoberto pelo americano A. E. Thatcher em 4 de abril de 1861.





A chuva de meteoros Lirídeas, na constelação de Lira, acontece todo mês de abril, e em 2014 seu auge será na madrugada de segunda para terça (22), às 3h, no hemisfério Sul. Serão cerca de 20(vinte) explosões por hora no ponto máximo.

Esta chuva de meteoros poderá atingir uma média de até 10 meteoros por hora e terá seu pico observado entre os dias 21 e 22 de abril de 2014. Seu radiante está na constelação de Lira. Apesar de não ser a mais forte chuva de meteoros, as Lirídeas são famosas por terem sido registradas há 2.600 anos, o período mais longo na história. Além disso, no ano de 1803 foram vistos cerca de 100 meteoros por hora, em Virgínia, nos EUA.

Os meteoros são pequenos corpos celestes que se deslocam no espaço e entram na atmosfera da Terra, queimando parcial ou totalmente devido ao atrito com a atmosfera terrestre e ao contato com o oxigênio. Este fenômeno deixa um risco luminoso no céu, que é popularmente chamado de "estrela cadente".

O melhor momento para essa obsevação será quando a estrela mais brilhante (Vega) dessa constelação estiver bem alta no céu. Isso pode acontecer as 04:30h. da manhã, ou até antes desse horário, às 02:30h.



Como localizar no céu?


Representação indica local que deve ser observado no céu para achar a chuva de meteoros Lirídeas, que acontece na segunda metade de abril. Por causa da rotação da Terra, essa visão é igual para praticamente todos os locais do hemisfério Sul. A linha vermelha em toda a parte inferior da imagem representa o horizonte, à esquerda deve estar o Norte e, à direita, o Nordeste. Tente achar um ponto brilhante no céu, será Altair, estrela mais brilhante constelação da Águia e a 12ª estrela mais brilhante no céu noturno. A constelação de Lira está abaixo, à esquerda

As chuvas de meteoros não representam riscos para a Terra e acontecem em praticamente todos os meses, algumas com mais intensidade e ampla visibilidade.



Referências: http://www.guiadasemana.com.br/evento/em-casa/chuvas-de-meteoro-2014-lirideas-21-04-2014  
 http://climatologiageografica.org/vem-ai-chuva-de-meteoros-lyrids/#ixzz2zSSJL3Ny

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA
Deve-se estar sentado confortável com a coluna vertebral bem direita. Começamos por inspirar profundamente pelo nariz e expiramos pela boca. Visualizamos a inspiração em energia branca e pura e a expiração levando todas as toxinas e energias negativas em névoas negras. Seguidamente concentramo-nos na energia do universo, das estrelas, dos planetas e focalizamo-nos em inspirar essa energia, preenchendo-nos completamente com ela. Sentimos o nosso corpo envolvido e preenchido com essa energia de paz e amor universal. Mantemos esta sensação durante cerca de dois minutos e depois, lentamente, pensamos somente em inspirar paz. Pensamos na paz e concentramo-nos na respiração desse sentimento, um sentimento de paz. Quando expiramos, enviamos paz também para o universo, preenchendo-o. Fazer esta respiração durante cerca de dois minutos e está-se pronto para a Meditação da Luz Dourada. Visualizamos de seguida, que inspiramos uma luz dourada. Sentimo-la a entrar para os nossos pulmões e a espalhar-se por todo o nosso corpo. Fazêmo-lo nove vezes. Passamos a respirar regularmente pelo nariz. Depois, começamos a visualizar uma linha dourada desde a base da espinha até ao topo da cabeça. Visualizamos essa linha dourada da grossura de um fio de electricidade. Fazêmo-lo nove vezes. Visualizamos então a grossura do fio dourado a aumentar lentamente até atingir a grossura de um lápis. Sentimos a luz dourada desde a ponta da espinha até ao topo da cabeça. Novamente sentimos a expansão da grossura da luz dourada até atingir a grossura de um dedo a fluir desde o topo da cabeça até à base da espinha. Agora, sentimos a luz a expandir-se para uma coluna de luz dourada que flui desde a base da espinha até o topo da cabeça. Visualizamos esta bela coluna de luz dourada a expandir-se lentamente até nos envolver completamente todo o corpo. Ficamos a sentir, pacificamente, essa luz dourada a envolver-nos. Agora, lentamente visualizamos a coluna de luz que nos envolve, a transformar-se num grande ovo de luz dourada que nos envolve completamente. Sentimos a sua paz e também a sua protecção. Tudo o que está dentro desse ovo cintila de energia, alimenta a nossa aura de energia e fortalece-a. Ficamos durante cerca de dois minutos sentindo-nos envolvidos por esse ovo de luz dourada. Depois, começamos a visualizar o encolhimento do ovo dourado. Primeiro sentindo-o voltar à forma de coluna, e depois lentamente sentimo-la encolher até à base da espinha e ao topo da cabeça. Depois sentimo-la a encolher lentamente até ficar do tamanho de um dedo, depois de um lápis, e finalmente, da grossura dum único fio dourado. Agora, sentimos a energia desse fio dourado a fluir desde a base da espinha até ao topo da cabeça e focalizamo-nos no ponto de intersecção das linhas do terceiro olho e do topo da cabeça. Respiramos por nove vezes, sentindo a energia da luz dourada nesse local da cabeça e depois, deixamos a energia fluir de novo para a boca, estômago, baixo abdómen, deixando-a dissolver-se aí lentamente. Respiramos fundo mais umas quantas vezes e sentimos toda a paz e protecção que essa luz dourada nos proporcionou. Sentimos que podemos fazer esse exercício sempre que quisermos, envolver-nos nessa luz dourada e fortalecer a nossa aura com a sua protecção e energia.

Seguidores

Follow by Email

“O que for a profundeza do teu ser, assim será teu desejo.

O que for o teu desejo, assim será tua vontade.

O que for a tua vontade, assim serão teus atos.

O que forem teus atos, assim será teu destino.”

Brihadaranyaka Upanishad

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.
Seja LUZ !!!

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR
Desperte para a regeneração da alma e do próprio corpo físico, começando por se desintoxicar daquilo que desequilibra a tua saúde física. Depure e purifique teus pensamentos, olhando mais para o Sol da verdade, do que para as nuvens da ignorância. Quem se faz luz não teme a escuridão, nem nevoeiros passageiros. Sabe que tudo que não for essencialmente divino, passa e se transmuta. Sendo assim, transmute-se!