15 de julho de 2011

A UNIDADE MÍSTICA DAS RELIGIÕES


A Uma e as Muitas Tradições - A UNIDADE DAS RELIGIÕES

Texto de Leonardo Albuquerque

A questão da Diversidade e da Unidade das Religiões existentes na terra sempre foi motivo para debates entre os filósofos e intelectuais. No entanto,tudo isso deve-se apenas à ignorância dos Homens sobre as verdadeiras origens da Religião,que transcendem as limitações das Raças,dos Idiomas,das Nacionalidades,do Tempo e do Espaço.
1- Em Busca da Grande Síntese

Sabemos que existem atualmente no mundo muitas Tradições Religiosas,bem diferenciadas entre si,que nasceram nas antigas Culturas do Oriente e que hoje disseminam-se pelas grandes cidades urbanas do Ocidente,com milhões de seguidores e fiéis.
Aparentemente,nos seus Aspectos Exteriores,as Grandes Religiões Mundiais(o Hinduísmo,o Budismo,a Fé Sikh,o Zoroastrismo,o Islãm,o Cristianismo e as Religiões Chinesas) possuem Dogmas e Ensinamentos antagônicos e irreconciliáveis entre si,que se excluem e se anulam recíprocamente.

Mas,na sua Interioridade e na sua Essência,as Religiões compartilham dos mesmos Valores Humanísticos,Pacifistas e Espirituais,e também transmitem as mesmas Idéias sobre a Energia Humana,a sua Sobrevivência depois da morte e a sua Evolução Cíclica multi-vivencial.

Através do estudo comparativo dos Ensinamentos Esotéricos de Jesus,de Muhhamadh,do Guru Nanak,dos Avatares Hindus,de Siddharta Gautama,de Zoroastro e de Lao Tsé,pode-se perfeitamente descobrir a GRANDE SÍNTESE e a UNIDADE DE VALORES existentes por trás da aparente Divisão ou Multiplicidade de Doutrinas.
Este estudo comparativo mostra claramente que na verdade todas as Religiões falam de uma MESMA DIVINDADE CÓSMICA,Onisciente,Onipresente e Onipotente,que criou o Universo e a Natureza;e que foi revelada e proclamada por todos os Grandes Profetas,Rishis,Gurus e Mestres Espirituais.

1- A THEOKOSMOSOPHIA PERENNIS -
========================================


Hoje,no início do Século XXI,a Teocosmosofia revela para o Mundo esta ENERGIA DIVINA UNIVERSAL que inspirou todos os Videntes,Místicos,Arhats,Médiuns e Sensitivos de todas as Eras e que foi denominada de Alaha,Alláh,Brahman,Addi-Buddhi,Krishna,Shiva-Shakti,Mãe Divina,GOD,Pai Criador dos Céus,Zeus,TAO ou Ahura Mazda.

A Teocosmosofia restaurada nostempos modernos é sem dúvida a GRANDE REVELAÇÃO UNITÁRIA que desvenda o mistério da UNIDADE DA DIVINDADE ATRAVÉS DA MULTIPLICIDADE DAS FORMAS,pois só uma Força Energética dotada da Onisciência e da Onipotência pode utilizar todas as Formas e Imagens para manifestar-se, revelar-se e comunicar-se com as suas criaturas.

Assim,através da Visão Cosmoteísta, podemos compreender claramente porque a DIVINDADE CÓSMICA pode ser visualizada por tantas formas diferentes e por tantos atributos diversos: PORQUÊ ESTA FORÇA É ONISCIENTE E PODE ASSUMIR QUALQUER FORMA EXISTENTE , podendo assim assumir qualquer tipo de manifestação hierofânica, Materializada,Intra-psíquica ou Transcendental, antropomórfica ou metamórfica, Macrocósmica ou Microcósmica, Feminina, Masculina ou Andrógina, e assim adaptar-se às mentes das suas Criaturas para ser Amada, Contactada,Experienciada e Entendida.
Esta é a Revolucionária Verdade da Teocosmosofia que está sendo pregada para todos os seres deste Planeta neste novo início de Milênio !!!

A Percepção desta Realidade bastaria para extinguir no mesmo instante todas as Guerras Religiosas e todos os Conflitos Armados ocasionados pelo Fanatismo no nosso planeta.Cessariam no mesmo instante todos os ódios milenares entre os Muçulmanos e os Israelenses na Palestina; cessariam todos os conflitos entre os Shiitas e Sunitas no Iraque; cessariam todos os antagonismos entre os Protestantes e os Católicos na Irlanda do Norte; e cessariam todas as hostilidades entre os Evangélicos, Espíritas e Umbandistas no Brasil...!!!

E, somente aqui no Brasil, a terra multiétnica de todas as Cores, Cultos e Raças amestiçadas, a Teocosmosofia poderia surgir, herdando o legado das Grandes Tradições Herméticas e Teosóficas, das grandes Profecias Eubióticas e Ramatisianas, e das poderosas Cosmovisões Nativas dos Pajés ,Olu-Awós e Caraís !!!

A Astrologia Teocósmica é uma das Técnicas Sagradas que pode fornecer uma ampla compreensão sobre a Unidade e a Diversidade das Civilizações e das suas principais expressões religiosas.
A Astrologia dedica-se à estudar os Ciclos Estelares Evolutivos da Humanidade,que participam do GRANDE PLANO EVOLUCIONÁRIO, que rege todos os processos do aperfeiçoamento das Etnias, das Culturas e das Populações.
Nesta unidade cíclica proporcionada pela Pesquisa Astrológica,existem as bases verdadeiras para a concretização dos Ideais da FRATERNIDADE UNIVERSAL ,pois as Ciências Ocultas apresentam agora no 3 º Milênio os fundamentos da Ciência da Paz ou Paxologia Sagrada para a Humanidade,através da revelação da UNIDADE DAS RELIGIÕES e da Uni-diversidade Holonômica existente em todas as coisas.

Neste aspecto, é importante compreender que a idéia do MONOTEÍSMO não é antagônica ao POLITEÍSMO, pois a Divindade pode expressar-se tanto através do UNO como do MÚLTIPLO, na medida em que a Onisciência Divina tem o poder de manifestar-se através de qualquer Forma, Microcósmicas ou Macrocósmicas.


Assim,os Theói dos Gregos,os Netjeru dos Egípcios,os Dingir dos Sumérios,os Devas dos Hindus,os Deithe dos Celtas e os Aesir dos Nórdicos não representavam uma Multiplicidade caótica e desordenada de Deidades sem integração entre si,mas sim expressa a grande capacidade da DIVINDADE TEOCÓSMICA de assumir todas as Formas Energéticas e Espaço-temporais de Hierofania, e de irradiar todos os Atributos possíveis e inimagináveis, sem nenhuma limitação.

Desta maneira, podemos compreender que os Fundamentos de todas as Religiões, Mono-, Poli- ou Panteístas, estão alicerçados no UNIVERSALISMO ou COSMOTEÍSMO que harmoniza todos os paradoxos e antíteses.

É o COSMOTEÍSMO que harmoniza e sintetiza todos os paradoxos e todas as contradições,e que reintegra todos os Panteões num mesmo Sistema Holonômico.

Um dos aspectos unificadores do Cosmoteísmo é o Princípio do Setenário Sagrado,um dos cânones das Ciências Sagradas Antigas e da Alquimia que pode desvelar os mistérios da Unidade na Diversidade.

Assim,o Al-Korãn fala dos 7 Céus criados por Allah no início da Criação; a Bíblia narra a Criação do Mundo em 7 Dias; o Vedanta descreve os 7 Mahalokas ou Vaikuntas onde vivem os Devas; o Zoroastrismo fala dos 7 Amesha Spentas emanados por Ahura Mazda; a Umbanda fala dos 7 Orixás criadores, etc...

Em todas essas formulações Setenárias encontramos a própria BASE para a explicação da Multiplicidade do Politeísmo Antigo e da Unidade Monoteísta das religiões atuais.

O Cosmoteísmo Antigo surgiu com o Culto Solar de ATON, que não foi uma novidade estranha, uma obscura Deidade do Politeísmo que foi promovida à Supremacia Teológica pelo Faraó Akhenaton.

O que ocorreu na verdade foi um processo de RESTAURAÇÃO Cosmoteísta, pois Aton era na verdade um dos nomes da Divindade Suprema original de ON(Heliópolis), também chamada de Rá ou Atum, cujo Culto Solar surgiu nos primórdios da Civilização Khemética, na região do Paralelo 30° Norte.

Da mesma forma, a Reforma feita por Zoroastro no Iran era um retorno ao antigo Monoteísmo de AHURA MAZDA, que havia sido eclipsado pelo Culto degenerado dos Daevas, com sacrifícios de animais e corrupção ética dos Sacerdotes.



Imagens: numerologia-astrologia.blogspot.com
                  osolinterno.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA
Deve-se estar sentado confortável com a coluna vertebral bem direita. Começamos por inspirar profundamente pelo nariz e expiramos pela boca. Visualizamos a inspiração em energia branca e pura e a expiração levando todas as toxinas e energias negativas em névoas negras. Seguidamente concentramo-nos na energia do universo, das estrelas, dos planetas e focalizamo-nos em inspirar essa energia, preenchendo-nos completamente com ela. Sentimos o nosso corpo envolvido e preenchido com essa energia de paz e amor universal. Mantemos esta sensação durante cerca de dois minutos e depois, lentamente, pensamos somente em inspirar paz. Pensamos na paz e concentramo-nos na respiração desse sentimento, um sentimento de paz. Quando expiramos, enviamos paz também para o universo, preenchendo-o. Fazer esta respiração durante cerca de dois minutos e está-se pronto para a Meditação da Luz Dourada. Visualizamos de seguida, que inspiramos uma luz dourada. Sentimo-la a entrar para os nossos pulmões e a espalhar-se por todo o nosso corpo. Fazêmo-lo nove vezes. Passamos a respirar regularmente pelo nariz. Depois, começamos a visualizar uma linha dourada desde a base da espinha até ao topo da cabeça. Visualizamos essa linha dourada da grossura de um fio de electricidade. Fazêmo-lo nove vezes. Visualizamos então a grossura do fio dourado a aumentar lentamente até atingir a grossura de um lápis. Sentimos a luz dourada desde a ponta da espinha até ao topo da cabeça. Novamente sentimos a expansão da grossura da luz dourada até atingir a grossura de um dedo a fluir desde o topo da cabeça até à base da espinha. Agora, sentimos a luz a expandir-se para uma coluna de luz dourada que flui desde a base da espinha até o topo da cabeça. Visualizamos esta bela coluna de luz dourada a expandir-se lentamente até nos envolver completamente todo o corpo. Ficamos a sentir, pacificamente, essa luz dourada a envolver-nos. Agora, lentamente visualizamos a coluna de luz que nos envolve, a transformar-se num grande ovo de luz dourada que nos envolve completamente. Sentimos a sua paz e também a sua protecção. Tudo o que está dentro desse ovo cintila de energia, alimenta a nossa aura de energia e fortalece-a. Ficamos durante cerca de dois minutos sentindo-nos envolvidos por esse ovo de luz dourada. Depois, começamos a visualizar o encolhimento do ovo dourado. Primeiro sentindo-o voltar à forma de coluna, e depois lentamente sentimo-la encolher até à base da espinha e ao topo da cabeça. Depois sentimo-la a encolher lentamente até ficar do tamanho de um dedo, depois de um lápis, e finalmente, da grossura dum único fio dourado. Agora, sentimos a energia desse fio dourado a fluir desde a base da espinha até ao topo da cabeça e focalizamo-nos no ponto de intersecção das linhas do terceiro olho e do topo da cabeça. Respiramos por nove vezes, sentindo a energia da luz dourada nesse local da cabeça e depois, deixamos a energia fluir de novo para a boca, estômago, baixo abdómen, deixando-a dissolver-se aí lentamente. Respiramos fundo mais umas quantas vezes e sentimos toda a paz e protecção que essa luz dourada nos proporcionou. Sentimos que podemos fazer esse exercício sempre que quisermos, envolver-nos nessa luz dourada e fortalecer a nossa aura com a sua protecção e energia.

Seguidores

Follow by Email

“O que for a profundeza do teu ser, assim será teu desejo.

O que for o teu desejo, assim será tua vontade.

O que for a tua vontade, assim serão teus atos.

O que forem teus atos, assim será teu destino.”

Brihadaranyaka Upanishad

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.
Seja LUZ !!!

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR
Desperte para a regeneração da alma e do próprio corpo físico, começando por se desintoxicar daquilo que desequilibra a tua saúde física. Depure e purifique teus pensamentos, olhando mais para o Sol da verdade, do que para as nuvens da ignorância. Quem se faz luz não teme a escuridão, nem nevoeiros passageiros. Sabe que tudo que não for essencialmente divino, passa e se transmuta. Sendo assim, transmute-se!