30 de setembro de 2013

DISSONÂNCIA COGNITIVA

Dissonância Cognitiva das baratas

Dissonância cognitiva, uma expressão usada na psicologia que trata de identificar um conflito entre duas ideias, crenças ou opiniões divergentes. A incompatibilidade entre duas cognições diferentes ou a percepção de contradição pode se transformar em ansiedade, culpa, vergonha, fúria, embaraço e outros estados emocionais estressantes.

"Cognição" pode ser definida como como qualquer elemento do conhecimento incluindo as atitudes, emoção, crenças ou comportamentos - Portanto, estamos falando de incoerência de comportamentos, crenças, emoções e ações.

A teoria da dissonância cognitiva (incoerência de comportamento) diz que ações contradizentes servem como estímulos para que a mente obtenha ou invente ou modifique novos pensamentos ou crenças pré-existentes, de forma a reduzir a quantidade de conflito (dissonância) entre seus pensamentos. Uma defesa da natureza para diminuir estresse.

A dissonância cognitiva se afasta de qualquer ideia de raciocínio. Simplesmente apaga por instantes a lógica e a racionalidade da coisa. A necessidade de defender suas ideias e não ser violado ou afrontado, ridicularizado ou agredido por elas, é maior que qualquer justificativa ou atitude sensata da sua parte.

Fazemos isso sem noção o tempo todo.

Temos uma opinião severa sobre fatos do dia a dia que nos perturbam. A corrupção dos dirigentes do nosso país nos enlouquece, mas se somos multados no transito por excesso de velocidade justificável pelo aparelho eletrônico, tratamos logo de recorrer a um subornozinho a um oficial de transito... Uma sutil dissonância cognitiva...

Um grande gênio da Ciência caiu na armadilha da dissonância cognitiva. Einstein pretendia anular sua própria Teoria da Relatividade para tentar justificar a todo custo e provar que a descoberta desconcertante da teoria de Bell (Física Quântica) não fazia sentido. Einstein percebeu que a física quântica iria destruir toda a postura arrogante de muitos cientistas renomados, incluindo ele próprio, mas felizmente foi humilde o bastante para rever seus conceitos e trabalhar em prol da nova percepção para o bem da humanidade.

Nos primeiros choques, a consciência rejeita as contradições de seus "princípios" sejam eles morais ou ético. Quanto mais forte for a convicção da pessoa sobre determinado tema, crença, mais enraizada no comportamento diário do indivíduo, mais persistente será a reação de negar novas formas de ver outra opção que não a sua.


Todos querem ter razão
A devoção a um símbolo ou a uma pessoa pode anular a racionalização de alguns eventos grotescos a ponto de ignorar abusos tantos físicos como mentais extremos praticados cotidianamente. Esses abusos podem vir de um líder espiritual, partidário, ou cônjuge, parentes (pais, filhos, irmãos) ou um simples namorado. E para manter sua “relação” a salvo a vitima da afronta nega e defende com unhas e dentes os eventos, distorcendo os fatos em causa própria.

Não temos muita noção do que se passa diariamente na nossa cabeça, pois estamos muito preocupados com contas a pagar e um futuro meio nebuloso que está difícil de ser executado, materializado a cada dia. E o que estamos percebendo nos últimos momentos é que algo muito grandioso está ocorrendo...

Podemos perceber que está havendo uma mudança dramática na estrutura do poder mundial. A consciência Global (ou seja - o CAMPO - o conhecimento da humanidade) aumentou em níveis alarmantes em muito pouco tempo. Algo que muitos não acreditavam que pudesse ocorrer tão cedo, mesmo diante dos muitos avisos por todo canto do planeta, de civilizações anteriores, nos preparando para esse momento.

“Anonymous é a primeira superconsciência com base na internet. Anonymous é um grupo, no mesmo sentido que um bando de pássaros é um grupo. Como você sabe que eles são um grupo? Porque estão viajando na mesma direção. A qualquer momento, mais pássaros podem entrar, sair, voar para uma direção completamente diferente”
Chris Landers. 2 de Abril de 2008.

Teoricamente Anonymous não possui um líder ou partido controlador, e depende do poder coletivo dos participantes em agir de uma maneira que o resultado beneficie o grupo como um todo.

Partidos Políticos – Organização de direito privado que pode ser definido como uma "união voluntária de cidadãos com afinidades ideológicas e políticas, organizada e com disciplina, visando a disputa do poder político".

Max Weber um dos fundadores da Sociologia define o Estadocomo "uma entidade que reivindica o monopólio do uso legítimo da força física", uma definição que se tornou central no estudo da moderna ciência política no Ocidente. Weber considera que o predomínio da burocracia nos partidos políticos, especialmente nos partidos fascistas, nazistas, socialistas e comunistas, ocorre por uma necessidade técnica, uma burocracia partidária, que frequentemente ultrapassa a sua função de assessoria do político e passa a ditar regras nos partidos políticos.

Quero uma ideologia para viver

Nós blogueiros martelamos diariamente a frase: “você precisa acordar!!” “Acorde”!! Pedimos tanto para acordarem da hipnose que acho que o povo acordou. Chamamos a atenção para o que estava ocorrendo bem debaixo do nosso nariz, mas que muitos não viam, ou não desejavam ver.

Temo agora que muitos tenham caído da cama e ainda não sabem muito bem onde estão e o que os fez “despertar” – estão meios tontos que nem baratas.

Pesadelo? Barulho no quarto? Ou um terremoto!

Seja lá o que o fez acordar, tenho o prazer de dar lhe as boas vindas a 4ª dimensão! Eu sei que a sua visão ainda está turva, os olhos não conseguem abrir direito, pois a LUZ que está chegando está ofuscando a mente adormecida de muitos anos, séculos e séculos. Mas você ficará bem, apenas relaxe e aproveite o novo dia, a nova iluminação.
Quem não acreditou que “esse dia” chegaria não sabe agora o que fazer com “ele”. Parecia mito, uma hipótese simbólica, uma mensagem apenas subjetiva que nos levava a acreditar que tudo poderia mudar como num passe de mágica. Muitos textos “angelicais” diziam que a nova era seria colorida e que o “Pai” viria a nosso encontro para nos levar para sentar ao seu lado no tronoceleste... (Reinado nas paradas)


Calma. Ainda não será tão fácil assim. Seu “pai” vai demorar a chegar. Essa nova dimensão de percepção é muito forte e pesada e requer preparo espiritual e muita informação,não somente a que você teve nas instituições de ensino, mas e principalmente aquelas informações que você não teve acessonas escolas convencionais, pois essas servirão como base de sustento para o que ainda virá pela frente.

O que vem pela frente não se trata apenas de uma revolta popular por direitos antes garantidos por uma constituição, pois esse direito pode ser tirado de você num estalar de dedos, ou apenas digitado de um Smartphone. Mesmo que o seu país saia “aparentemente” do caos, esse momento requer firmeza, postura, equilíbrio emocional, coerência vibracional e muita consciência da sua parte.

O que descobrimos rapidamente e primeiramente nestes últimos dias foi que JUNTOS SOMOS FORTES – Separados (partidários) somos fracos. Partidos – fragmentam – trabalham com partes. Bandeiras são símbolos que levam as pessoas a experiências pessoais e egoístas.


Podemos ser manipulados por símbolos ou por frequências magnéticas. Ambas as opções só funcionam com nosso consentimento. Precisamos estar atentos a todo tipo de manipulação, seja ela televisiva, de grupo (redes sociais) ou familiar.

JUNTOS SOMOS FORTES e vimos isso através da solidariedade de grupos de estudantes de direito e de medicinaque se uniram a causa oferecendo seus serviços emergenciaispara todos que sofrerem lesões físicas e morais nos eventos pelo país e isso muito me emocionou.

É um sentimento de cooperação, próprio de tempos de guerra e grandes catástrofes, nos afastando do pensamento de competição. Temos que desenvolver essa competência – a decooperar com o grupo e se você não entende como funciona o grupo é sinal que está no grupo errado. Procure um que se afine com você, com suas ideias e pensamentos ao invés de combate – lo, isso só irá minar suas energias.

Essa é a hora de separarmos o joio do trigo.

São sementes muito parecidas quando germinam, mas só quando florescem é que se pode perceber nitidamente as diferenças entre elas. E se estamos buscando uma boa colheita para o futuro, avaliar a qualidade das sementes é fundamental.Também não podemos nos descuidar do ataque das baratas...

O RoboRoach Controla um inseto vivo a partir do seu smartphone

Um Inseto Cyborg, meio barata, meio máquina é um novo experimento da neurociência comportamental e engenharia neural. A antena de uma barata contém os neurônios que são sensíveis ao tato e olfato e quando as antenas da barata tocam uma parede ela se afasta tendo noção e orientação do espaço.

Esses neurônios em suas antenas transmitem informações de volta para o cérebro e apenas usando eletricidade através de pequenos pulsos elétricos na forma de "picos" enviados por um comando a partir de um telefone celular, impulsos elétricos chegam a suas antenas produzindo uma ilusão de que há uma parede ao lado.


Controle neural do Comportamento

O cérebro responde aos estímulos sensoriais. Depois de alguns minutos, a barata vai parar de responder ao micro estimulador,pois o cérebro aprende rapidamente e se adapta,pois isso é o que todos os cérebros são projetados para fazer = se adaptar ao ambiente rapidamente.

Padrões e estímulos periódicos

Podemos facilmente nos adaptar a qualquer coisa, mas não temos consciência disso. Nosso cérebro se acostuma com tuuuuuuuuuuddooooo.

Com uma comida ruim ou na falta dela – com geladeira vazia - com um relacionamento de anos estressante – com cores feias e sujeira nas paredes – com moveis quebrados – gavetas que não abrem – meias sem seu par – sapatos gastos – roupas sujas e desbotadas - com sons irritantes do tipo ventiladores sem óleo - gritos das crianças do vizinho – dos latidos dos cachorros querendo sair – condução e transporte urbano superhipermega lotado – falta de médicos – falta de medicamentos - ausência de cuidados - de carinho - de toque e de beijos de namorado – ruas esburacadas – portão eletrônico que não abre – elevadores enguiçados – mau humor do patrão, do cônjuge, da filha adolescente – engarrafamento de 4 horas diárias – de climas instáveis – de pegar chuva sem guarda chuva – de mofo nos quartos – de contas para pagar [sem serem suas] sem um puto no banco – com canais de TV que são maçantes, todos recalam, mas ninguém troca a porra do canal – sinal de celular que não chega onde você mais precisa [longe de casa].

Enfim, seu cérebro é uma máquina e como sempre digo, ela precisa de uma mente brilhante e informada para administra-la com eficácia e eficiência, do contrário, depois de toda essa movimentação global, e você não entender muito bem sobre tudo isso que eu falei, meu caro... alguém com um smartphone fará isso por você.

Laura botelho
Fonte

28 de setembro de 2013

CIENTISTA FOTOGRAFA ALMA DEIXANDO O CORPO


O momento da desencarnação astral em que o espírito deixa o corpo foi capturado pelo cientista russo Konstantin Korotkov, que fotografou uma pessoa no momento de sua morte com uma câmera bioelectrographic.
B4INREMOTE-aHR0cDovLzEuYnAuYmxvZ3Nwb3QuY29tLy1hc1ZTX2ozMlJ4MC9Va0l0aVNIZklySS9BQUFBQUFBQUNUMC9teVF4dlh2aGloQS9zNjQwL25ldzEyMTc3LmpwZw==

A imagem obtida usando o método de visualização de descarga de gás, uma técnica avançada de fotografia Kirlian mostra em azul a força da pessoa deixando o corpo gradualmente vida.

De acordo com Korotkov, umbigo ea cabeça são as partes que primeiro perdem sua força de vida (o que seria a alma) e na virilha eo coração são as últimas áreas onde o espírito antes de navegar na fantasmagoria do infinito.

Em outros casos, de acordo com Korotkov observou que "a alma" das pessoas que sofrem uma morte violenta e inesperada geralmente se manifesta um estado de confusão em suas configurações de energia e retornar ao corpo nos dias seguintes à morte. Isto poderia ser devido a um excesso de energia não utilizada.





Referência

27 de setembro de 2013

COMO E ONDE A IMAGINAÇÃO OCORRE NO CÉREBRO HUMANO

Onze áreas do cérebro estão mostrando níveis de atividade diferenciais em um estudo de Dartmouth usando ressonância magnética funcional para medir como os seres humanos manipular imagens mentais (crédito: Alex Schlegel)
Imaginação encontra-se em uma rede neural generalizada - "área de trabalho mental", do cérebro - que conscientemente manipula imagens, símbolos, ideias e teorias e dá aos humanos a laser como o foco mental necessário para resolver problemas complexos e chegar a novas ideias, pesquisadores de Dartmouth concluiram em um novo estudo.

"Nossas descobertas nos aproximam para entender como a organização de nosso cérebro nos diferencia de outras espécies e fornece um rico parque infantil, tais interna para nós pensar livremente e de forma criativa," diz o autor Alex Schlegel, um estudante de pós-graduação no Departamento de Psicologia e Ciências do Cérebro. "Entender essas diferenças vão nos dar insights sobre onde a criatividade humana vem e possivelmente nos permitem recriar esses mesmos processos criativos em máquinas."
No estudo, os 15 participantes foram convidados a imaginar formas visuais abstratas específicas e, em seguida, mentalmente combiná-los em novas figuras mais complexas ou para desmantelá-los mentalmente em suas partes separadas.

Os pesquisadores mediram a atividade cerebral dos participantes com ressonância magnética funcional e constatou uma rede cortical e subcortical sobre uma grande parte do cérebro é responsável por suas manipulações de imagens. A rede se assemelha ao "trabalho mental" que os estudiosos têm teorizado pode ser responsável por grande parte da experiência humana consciente e para as habilidades cognitivas flexíveis que os seres humanos evoluíram.

"A investigação como a nossa mente é neste momento está muito longe de ser perto de aplicações práticas", explicou Schlegel KurzweilAI. "No entanto, saber mais sobre o circuito neural por trás da cognição humana complexa tem o potencial de melhorar a forma como ensinamos e aprendemos e nos dá insights sobre como recriar esses mesmos processos criativos em máquinas."

Referência

26 de setembro de 2013

O SER HUMANO PERDEU A HUMANIDADE


"O capitalismo, a competição selvagem e o desejo de ter sufocam a sensibilidade, a ternura, o respeito pela vida e pela natureza.
O ser humano perde aos poucos a essência de humanidade.
A escravidão se moderniza para dominar e alienar as pessoas!
As pessoas são escravas do trabalho, da mídia, da moda e do padrão de beleza e dos desejos!
Ser livre perde a importância da vitória e do sucesso a qualquer preço!
O que é ser bem sucedido, senão viver em harmonia consigo e com a natureza? Senão viver em paz com a vida?"
(Silvano Alves)

24 de setembro de 2013

OS EFEITOS DA MÚSICA

Células tumorais expostas à "Quinta Sinfonia", de Beethoven, perderam tamanho ou morreram

Mesmo quem não costuma escutar música clássica já ouviu, numerosas vezes, o primeiro movimento da "Quinta Sinfonia" de Ludwig van Beethoven. O "pam-pam-pam-pam" que abre uma das mais famosas composições da História, descobriu-se agora, seria capaz de matar células tumorais - em testes de laboratório. Uma pesquisa do Programa de Oncobiologia da UFRJ expôs uma cultura de células MCF-7, ligadas ao câncer de mama, à meia hora da obra. Um em cada cinco delas morreu, numa experiência que abre um nova frente contra a doença, por meio de timbres e frequências.

A estratégia, que parece estranha à primeira vista, busca encontrar formas mais eficientes e menos tóxicas de combater o câncer: em vez de radioterapia, um dia seria possível pensar no uso de frequências sonoras. O estudo inovou ao usar a musicoterapia fora do tratamento de distúrbios emocionais.


Esta terapia costuma ser adotada em doenças ligadas a problemas psicológicos, situações que envolvam um componente emocional. Mostramos que, além disso, a música produz um efeito direto sobre as células do nosso organismo - ressalta Márcia Capella, do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, coordenadora do estudo.

Como as MCF-7 duplicam-se a cada 30 horas, Márcia esperou dois dias entre a sessão musical e o teste dos seus efeitos. Neste prazo, 20% da amostragem morreu. Entre as células sobreviventes, muitas perderam tamanho e granulosidade.

O resultado da pesquisa é enigmático até mesmo para Márcia. A composição "Atmosphères", do húngaro György Ligeti, provocou efeitos semelhantes àqueles registrados com Beethoven. Mas a "Sonata para 2 pianos em ré maior", de Wolfgang Amadeus Mozart, uma das mais populares em musicoterapia, não teve efeito.

Foi estranho, porque esta sonata provoca algo conhecido como o "efeito Mozart", um aumento temporário do raciocínio espaço-temporal - pondera a pesquisadora. Mas ficamos felizes com o resultado. Acreditávamos que as sinfonias provocariam apenas alterações metabólicas, não a morte de células cancerígenas.

"Atmosphères", diferentemente da "Quinta Sinfonia", é uma composição contemporânea, caracterizada pela ausência de uma linha melódica. Por que, então, duas músicas tão diferentes provocaram o mesmo efeito?

Aliada a uma equipe que inclui um professor da Escola de Música Villa-Lobos, Márcia, agora, procura esta resposta dividindo as músicas em partes. Pode ser que o efeito tenha vindo não do conjunto da obra, mas especificamente de um ritmo, um timbre ou intensidade.

Quando conseguir identificar o que matou as células, o passo seguinte será a construção de uma sequência sonora especial para o tratamento de tumores. O caminho até esta melodia passará por outros gêneros musicais. A partir do mês que vem, os pesquisadores testarão o efeito do samba e do funk sobre as células tumorais.

Ainda não sabemos que música e qual compositor vamos usar. A quantidade de combinações sonoras que podemos estudar é imensa - diz a pesquisadora.

Outra via de pesquisa é investigar se as sinfonias provocaram outro tipo de efeito no organismo. Por enquanto, apenas células renais e tumorais foram expostas à música. Só no segundo grupo foi registrada alguma alteração.

A pesquisa também possibilitou uma conclusão alheia às culturas de células. Como ficou provado que o efeito das músicas extrapola o componente emocional, é possível que haja uma diferença entre ouví-la com som ambiente ou fone de ouvido.

Os resultados parciais sugerem que, com o fone de ouvido, estamos nos beneficiando dos efeitos emocionais e desprezando as consequências diretas, como estas observadas com o experimento - revela Márcia.
O Globo - Renato Grandelle

21 de setembro de 2013

UMA NOVA VISÃO HOLÍSTICA RADICAL DE SAÚDE BASEADA NA COOPERAÇÃO E NA DOENÇA COM BASE NA CONCORRÊNCIA

Uma análise Cytoscape de todos os genes candidatos
identificados pelo menos, duas vezes e para o qual a
informação de rede foi disponível, mostra que muitos dos
genes candidatos são rigidamente ligados uns aos outros.
(crédito: Dejosez Marion/ Science)
Pesquisadores do The Mount Sinai Medical Center tem desenvolvido uma visão holística radical de saúde - vendo-a como um estado de cooperação entre as células, enquanto eles vêem a doença como resultado de células em guerra que lutam umas com as outras para a dominação.

Sua abordagem única é apoiada por evidência experimental. Os pesquisadores mostram uma rede de genes nas células, o que inclui o poderoso supressor de tumor p53, que impõem um estado cooperativo dentro das células - um pouco como a abelha rainha em uma colmeia.

Doença ou distúrbio ocorre quando esses genes Enforcer são mutantes, permitindo que a concorrência entre as células possa crescer.

"Tanto a concorrência e a evolução da unidade de cooperação, e que estão ligados à cooperação por todo o caminho até nossos genes", diz a pesquisadora sênior do estudo, Thomas P. Zwaka, MD, PhD, Professor da Família Stem Cell Institute Preto na Escola Icahn de Medicina do Monte Sinai.

Uma nova forma de tratar a doença

Os resultados, são apoiado por pesquisas futuras, oferecem uma nova maneira de lidar com a doença, Dr. Zwaka diz. Compreensão da base genética de comportamentos celulares cooperativos e competitivos poderia explicar como se desenvolve o câncer e disfunção do sistema imunológico, diz ele.

"Se uma célula perdeu um gene que promove a comunicação entre as células, pode dominar outras células, ignorando sinais para parar proliferando. Também faz sentido que o sistema imunológico pode detectar e atacar as células que não estão cooperando. A falta de cooperação pode também fundamentar o desenvolvimento de defeitos de nascimento. "

Ele acrescenta que isso pode ser possível ao ligar o interruptor "cooperação" volta terapeuticamente, ou para manipular as células-tronco, como portar-se mal em uma maneira que produz células de substituição para a medicina regenerativa.

"O comportamento celular é imprevisível. Eles não funcionam como pequenas máquinas ", diz ele. "O que nosso estudo sugere é que a cooperação é tão importante para a nossa evolução que temos mecanismos genéticos para nos proteger contra a batota e o comportamento dominante."

Uma rede de genes com função antiga

A equipa de investigação, que também inclui o estudo primeiro autor Marion Dejosez, PhD, Professor Assistente da Faculdade de Icahn no Monte Sinai, teve uma visão de longo prazo para o comportamento das células. Eles se perguntavam como é que as células, que viveram na terra como unidades individuais de centenas de milhões de anos, poderia efetivamente agrupar-se em conjunto para executar tarefas específicas. "As células começaram de alguma forma a formar alianças, e cooperar, e, obviamente, essa multicelularidade tinha certas vantagens."

Mas eles também questionaram o que aconteceu com o comportamento "batota" que pode ser visto em células individuais, como a ameba, que vivem em colônias - comportamento competitivo que permite que a célula para ganhar uma vantagem reprodutiva, sem contribuir com a sua quota-parte para a comunidade.

Eles realizaram uma tela genética em células-tronco para olhar para os mutantes que permitem às células para "portar-se mal - para tornar-se um pouco as coisas anti-sociais e que eles normalmente não fariam", diz Dr. Zwaka. A tela pegou cerca de 100 genes que parecem se agrupar em uma rede.

A equipe se concentrou em três desses genes - p53, muito conhecido como o guardião do genoma, topoisomerase 1 (Top1), que controlam a estabilidade genômica e receptores olfativos envolvidos na sensação de cheiro.

Cooperação versus competição

"Podemos entender que p53 pode promover a cooperação, porque a perda de função da p53 é um passo no desenvolvimento de muitos tipos de câncer. Mas achar que os receptores top1 e olfativas podem ter a mesma função foi uma surpresa ", diz ele. "Acreditamos que esses genes têm a função de proteger os antigos organismos multicelulares, ajudando as células a coordenar suas atividades."

Os cientistas então testaram os efeitos de derrubar esses genes no desenvolvimento de embriões de camundongos. Para sua surpresa, p53 e Top1 knockdown embriões se desenvolveram normalmente - talvez porque outros genes responsáveis ​​pela aplicação sociais intactas assumiram.

"Isso nos mostrou que células mutantes só se comportam mal quando eles estão em torno de células normais. Elas tornaram-se competitivo, talvez promovendo um avanço evolutivo ", diz o Dr. Zwaka. "Quando todas as células são as mesmas, ou todas mutantes ou todos normais, elas cooperam umas com as outras.

"Este estudo sugere que a cooperação celular, o comportamento altruísta, engana, e outros chamados comportamentos sociais estão ligados nas células através do genoma na fase muito primitiva", diz ele. "Talvez não haja coincidência que a ameba, insetos, animais, a cultura humana e da sociedade, em geral, seguem as regras inatas de cooperação. A explicação da evolução como uma luta pela existência, de Darwin, precisa ser complementada, com um reconhecimento da importância da cooperação na evolução da complexidade ".

Trabalhando com o Dr. Zwaka e Dr. Dejosez no estudo foram co-autores VL Brandt da Black Family Stem Cell Institute, e Hiroki Ura, PhD, do Baylor College of Medicine em Houston.

O trabalho foi financiado pela Fundação Huffington e pelo National Institutes of Health.

Referência

20 de setembro de 2013

MÚSICA - UM REMÉDIO SEM EFEITOS COLATERAIS

UM REMÉDIO SEM EFEITOS COLATERAIS?
A música tem efeitos neuroquímicos que podem melhorar o sistema imunológico, reduzir a ansiedade e até mesmo regular o humor. A descoberta é de uma dupla de psicólogos da Universidade de McGill, no Canadá.

A pesquisa aponta que certas músicas podem elevar a produção de imunoglobulina A (um tipo de anticorpo) e de glóbulos brancos, responsáveis por atacar invasores como bactérias e germes.

Os cientistas Mona Lisa Chanda e Daniel Levitin descobriram que ouvir ou até mesmo tocar música pode reduzir os níveis de cortisol, o hormônio do estresse, e elevar os níveis de oxitocina, relacionado ao bem-estar. Isso melhora o humor e facilita as interações sociais. Músicas mais lentas com melodias suaves tendem a ser mais relaxantes do que canções com ritmo mais rápido.

Para chegar a essa conclusão, Chanda e Levitin analisaram mais de 400 pesquisas que associam a música com processos neuroquímicos específicos. Vários estudos indicam que a música pode até mesmo controlar a dor.

A dupla canadense propõe que médicos e terapeutas comecem a levar a música mais a sério. Chanda e Levitin esperam que a música possa ser usada como calmante antes da cirurgia. A pesquisa dos canadenses destaca que tratamentos baseados em música não são invasivos e têm efeitos colaterais mínimos. Além disso, são baratos e "naturais".


Fonte

16 de setembro de 2013

SONS ESTRANHOS PELO MUNDO OU RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA

Sons estranhos, inexplicáveis ​​vindos do céu foram registrados em todo o mundo.
Apesar de várias teorias, ninguém foi capaz de oferecer uma explicação adequada quanto ao que está fazendo com que os sons estranhos.
Apenas alguns dias atrás, ruídos estranhos quase bizarros com duração de aproximadamente 10 minutos moradores assustados em British Columbia.
Os sons eram tão estranho que algumas pessoas até pensei que era o começo do fim do mundo.
Alguns especularam uma nave alienígena havia caído nas proximidades. Outros sugeriram que o governo estava testando algumas máquinas de tempo secretos.
O som foi ouvido em 29 de agosto no início da manhã. De acordo com Kimberly Wookey, a pessoa que registrou o ruído em vídeo, um som semelhante foi ouvido em 19 de junho.

"Esta é a segunda vez que eu ouvi estes sons aqui no Terraço BC Canadá.

Primeira vez foi 19 de junho de 2013 em cerca de 9-9:30 sou, mas não era tão intenso.
Na manhã do dia 29 de agosto 2013 em aprox. 07:30 eu estava acordado por esses sons.
Eu atirei para fora da cama como um morcego fora do inferno perceber que era os mesmos sons que eu tinha ouvido antes e eu corri procurando uma câmera para tentar capturá-los com. Saiu na sala para encontrar meu filho de 7 anos acordado e assustado perguntando o que estava acontecendo.

Ele é o que eu estou sussurrando no primeiro vídeo. Ele disse que os ruídos acordou-o bem e balançou a janela.


Consegui gravar três clipes mostrando quase 5 minutos de estes sons estranhos. Depois que ele tinha acabado e eu me sentei em frente ao computador para fazer o upload do vídeo.



Checando meu Facebook vi um monte de moradores tinha ouvido os mesmos sons novamente, mas desta vez foi muito mais difundido.

Eu não tenho nenhuma idéia do que esses sons são, mas é muito estranho e eu estou contente que eu era capaz de alcançá-los neste momento e compartilhar o que eu ouvi.

Este vídeo foi feito no meu Samsung Câmera de Vídeo HD SC-HMX20C ", diz Kimberly Wookey.



Qual é a verdadeira causa dos sons estranhos vindos do céu?

Terraço residente Kayla Skye Foley disse que não ouviu o barulho de volta em junho, mas ela ouviu eles neste momento.


"Eu só tinha ouvido os barulhos no YouTube ao longo dos últimos dois anos, ela disse." No começo eu pensei que era alguém tocando uma trombeta muito horrivelmente no parque biblioteca e eu não conseguia entender por que eles estavam fazendo isso tão cedo na manhã, mas depois lembrei-me de todos os vídeos da Internet sobre este fenômeno "skyquake" que vinha acontecendo em todo o mundo ".


Qual é a origem dos sons bizarros?

Sons semelhantes foram relatados em todo o mundo nos últimos anos, incluindo a Rússia, o Reino Unido e os Estados Unidos.
Várias explicações têm sido oferecidas, como o que pode estar causando os sons.
Um professor de física na Universidade de Saskatchewan tem a teoria de que é provável que o ruído eletromagnético emitido por auroras e cinturões de radiação, mas essa explicação não foi suficiente para todos.


 Referência

12 de setembro de 2013

ENTENDA O SALTO EVOLUCIONAL

Postado em setembro 4, 2013 por Mirabel Krause

Um salto quântico, na física, acontece quando uma partícula ganha energia. O movimento dos elétrons se acelera, levando-os a se afastar do núcleo. Esse afastamento do núcleo acontece na forma de “saltos” – do nível 1 para o 2 no primeiro salto, de 2 para 4 no segundo salto e assim sucessivamente.

Quando absorvem luz, o que os elétrons absorvem é energia luminosa e, assim, aumentam sua energia. Por isso, o elétron só absorve a luz se o fóton que chegar tiver energia suficiente para que esse elétron possa saltar de um nível energético para outro. Senão, ele não absorve e o fóton passa incólume.

A figura abaixo esquematiza um elétron em um átomo que absorve luz.
SaltoQuantico
A entrada de nosso sistema solar no Cinturão de Fótons marca o início da expansão da consciência além da terceira dimensão. Existe documentação científica recente sobre a existência de fótons altamente energéticos vindos do centro da galáxia.

O Cinturão de Fótons é um fenômeno astronômico, e consiste de fótons altamente energéticos, cuja origem é o centro de nossa galáxia. Percebido pela primeira vez em 1961, detectado através de satélites, é um gigantesco anel de radiação que fica à volta de Alcyone e do qual é a fonte, localizado na Constelação das Plêiades. Sua origem vem do sol central da galáxia, em torno do qual orbitam o nosso sistema solar e todos os planetas que o acompanham.
Cinturão de Fotons


Este movimento do nosso sistema solar em sentido anti-horário ao redor de Alcyone, é um fenômeno cíclico e a cada onze mil anos o Sistema Solar penetra por 2.160 anos no anel de fótons, ficando mais próximo de Alcyone.

Na Era de Aquário, que se iniciou em 22 de dezembro de 2012, ficaremos outros 2.160 anos dentro deste disco de radiação.

Fóton é um quantum de energia (a menor partícula de energia eletromagnética com massa Zero – sem carga elétrica e com uma vida indefinidamente longa).

Os seres de Marduk afirmam que o processo de evolução já se deu inicio, e que sairemos do nível evolucional 7 para o nível evolucional 14. Se considerarmos que um mineral (rocha) é grau zero, o vegetal nível 1, o animal nível 2, e nós seres humanos terráqueos estamos no nível 7, há de convirmos que o salto evolucional para o nível 14 trata-se de um grande salto. Esta é a separação do joio e do trigo, pois somente os vibracionalmente elevados passarão para o nível 14.
Referência

6 de setembro de 2013

MUDANÇA ACELERADA DO MUNDO DA MENTE

O mundo está em mudança acelerada e nós que o habitamos não damos por isso.Apercebemo-nos que as coisas já não são o que eram, que as referências que considerávamos seguras, pura e simplesmente desapareceram, que já lá não estão quando necessitamos delas, mas apesar de tudo ainda não adquirimos a consciência profunda dessa mudança, ainda insistimos numa prática assente em filosofia que já é história.
Se fosse um extraterrestre de visita ao planeta, ficaria com a sensação que este é um mundo sem janelas, fechado sobre si mesmo, em que a informação é condicionada, prestada a conta gotas e orientada para o benefício de uma qualquer oligarquia sem rosto, mas que de facto controla com mão de ferro tudo o que por cá se passa, e fá-lo sustentada em estranho paradoxo: mais informação é menos informação.
Na verdade, quanto mais informação é disponibilizada, sem critério aparente, mais difícil se torna separar o trigo do joio. Por outro lado, essa informação é disponibilizada seguindo o método de ordenamento das prateleiras de um supermercado, estão lá todos os produtos, mas, pela sua localização, uns são visíveis e consumidos enquanto outros não.
Passa-se assim a mensagem pretendida sem que se corra o risco de vir a ser acusado de sonegação de informação… ela está lá, exposta, só que no que à acessibilidade diz respeito… estamos conversados.
Numa época em que a informação é poder, dá-se assim a falsa noção às pessoas de o terem nas suas mãos, muito embora seja uma sensação mais do que virtual, absolutamente enganosa, já que embora lhe tenham teoricamente acesso, na prática são manipuladas sem que disso tenham sequer consciência.
Exemplo gritante desta ditadura encapotada, foram as últimas legislativas que levaram à maioria absoluta os defensores do austeritarismo.
Ganharam porque silenciaram o contraditório, inundando a opinião pública com a inevitabilidade das medidas que preconizaram, ao mesmo tempo que sonegavam informação vital para os eleitores decidirem em consciência.
Impuseram um acordo que só tornaram público após o escrutínio e elaboraram sobre ele as mais variadas teorias, formatando as pessoas através do medo, chegando ao ponto de classificar de irresponsáveis propostas que agora defendem, como a reestruturação da dívida, ou a auditoria da mesma.
Apodaram de mentirosos os que defendiam ser impossível sair da recessão com as medidas se austeridade apregoadas, negaram que fossem aumentar impostos, retirar direitos ao trabalho, reduzir a escombros o SNS ou a Escola Pública.
A informação, de fato estava disponível, mas só acessível a quem tivesse a ciência e os meios para chegar a ela, ultrapassando a barreira mediática imposta pelo poder financeiro.
Isto passou-se em Portugal, mas não diverge da realidade global; sabe-se agora que o nosso país é o quarto mais exposto à dívida grega, vários bancos portugueses estão envolvidos neste assassinato de um povo, como? Simples! Foram financiar-se ao BCE com juros a 1% para depois especularem com a dívida grega a juros de 10%!
Utilizaram esse dinheiro para apostar no sector produtivo? Para estimular a nossa economia? Para apoiar as pequenas e médias empresas? Não. Usaram-no para especular, na mira do lucro injustificável.
Agora vão ter de perdoar mais de 50% da dívida. Preocupam-se? Não! Porque como vai sendo hábito, quem vai pagar não são eles, seremos nós.
A questão que ponho é a seguinte: se tivéssemos acesso à informação antes do facto consumado, isto aconteceria?
Que raio de democracia é esta?

“Numa época em que a informação é poder, dá-se assim a falsa noção às pessoas de o terem nas suas mãos, muito embora seja uma sensação absolutamente enganosa”.
Fonte

4 de setembro de 2013

PRÓXIMA MISSÃO DA NASA

Próxima missão da NASA à lua, a explosão partirá da costa do leste da Virgínia na sexta-feira (6 de setembro), pode ser visível através de uma vasta região da costa leste dos EUA (o tempo o permitir), mas se você não puder ver o lançamento em pessoa, não se preocupe, você pode assistir o foguete soar moonward online ao vivo. Saiba como:
http://oak.ctx.ly/r/banu

3 de setembro de 2013

EXISTÊNCIA DO NOVO ELEMENTO 115 CONFIRMADO POR PESQUISADORES

No livro de química, sala de aula, auditório, laboratório de pesquisa ou é completa sem uma cópia da tabela periódica dos elementos.

Agora, a Uma equipe internacional de pesquisadores, liderada por físicos da Universidade de Lund, confirmaram a existência do que é considerado um novo elemento com número atômico 115.
Ununpentium (ou Uup), também conhecido como eka-bismuto foi observada pela primeira vez em 2003. É o nome temporária de um elemento superheavy sintético na tabela periódica.
O experimento foi conduzido no laboratório de pesquisa GSI na Alemanha. Os resultados confirmam as medições anteriores realizados por grupos de pesquisa na Rússia.



A Tabela Periódica dos Elementos
Créditos: depositphotos.com

Este elemento altamente radioativo, que ainda tem de ser identificado, é tão instável que existe há menos de um segundo antes de se decompõe em átomos mais leves
"Esta foi uma experiência muito bem sucedida e é um dos mais importantes no campo nos últimos anos", disse Dirk Rudolph, professor da Divisão de Física Nuclear da Universidade de Lund.

Além das observações do novo elemento químico, os pesquisadores também passaram a ter acesso aos dados que lhes dá uma visão mais profunda sobre a estrutura e as propriedades dos núcleos atômicos super-pesado.
Dê uma olhada em elementos visuais Tabela Periódica
Bombardeando uma fina película de amerício com íons de cálcio, a equipe de pesquisa foi capaz de medir fótons em conexão com alpha decadência do novo elemento. Certos energias dos fotões concordou com as energias esperados para a radiação de raios X, que é uma "impressão digital" de um determinado elemento.
O novo elemento super-pesado ainda está para ser nomeado. Uma comissão composta por membros dos sindicatos internacionais de física e química pura e aplicada vai rever as novas descobertas para decidir se a recomendar novos experimentos antes da descoberta do novo elemento é reconhecido.

Obs.: Há tempos atrás assisti uns vídeos do Bob Lazar onde, em um deles, mencionava o elemento 115.

Robert Scott Lazar (Coral Gables, 26 de janeiro de 1959), também conhecido por Bob Lazar, é um físico norte-americano que se notabilizou pela polêmica causada nas discussões sobre OVNIs acerca da Área 51. Lazar alega ter trabalhado de 1988 a 1989 como físico em uma área chamada S-4, localizada perto de Groom Lake, Nevada, próximo à Área 51. De acordo com Lazar, S-4 servia como um esconderijo militar para o estudo de discos voadores extraterrestres. O físico diz ter visto nove discos diferentes lá. Ele também fornece detalhes sobre o modo de propulsão das naves.
Em 2004, um time de cientistas russos e americanos teve sucesso na produção do elemento 115 como um isótopo instável, confirmando a existência de tal átomo.6 Em 1989, Lazar indicou que estoques do desconhecido elemento 115 devem ter sido um presente de uma civilização extraterrestre para ser usado como combustível em nossos próprios veículos.7 Em novembro de 1989, Lazar apareceu em uma entrevista especial com o repórter investigativo George Knapp na estação de televisão KLAS de Las Vegas, para falar sobre os vários aspectos e implicações de seu trabalho em S-4.3 De acordo com certas organizações de investigação de OVNIs - das quais o Disclosure Project é o mais bem conhecido - os experimentos com propulsão antigravitacional e engenharia reversa de espaçonaves extraterrestres estão certamente sendo executados em projetos militares secretos. O Tenente-Coronel Philip J. Corso (1915-1998) é considerado por ser o primeiro e mais importante diretor em tais operações.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA

MEDITAÇÃO DA LUZ DOURADA
Deve-se estar sentado confortável com a coluna vertebral bem direita. Começamos por inspirar profundamente pelo nariz e expiramos pela boca. Visualizamos a inspiração em energia branca e pura e a expiração levando todas as toxinas e energias negativas em névoas negras. Seguidamente concentramo-nos na energia do universo, das estrelas, dos planetas e focalizamo-nos em inspirar essa energia, preenchendo-nos completamente com ela. Sentimos o nosso corpo envolvido e preenchido com essa energia de paz e amor universal. Mantemos esta sensação durante cerca de dois minutos e depois, lentamente, pensamos somente em inspirar paz. Pensamos na paz e concentramo-nos na respiração desse sentimento, um sentimento de paz. Quando expiramos, enviamos paz também para o universo, preenchendo-o. Fazer esta respiração durante cerca de dois minutos e está-se pronto para a Meditação da Luz Dourada. Visualizamos de seguida, que inspiramos uma luz dourada. Sentimo-la a entrar para os nossos pulmões e a espalhar-se por todo o nosso corpo. Fazêmo-lo nove vezes. Passamos a respirar regularmente pelo nariz. Depois, começamos a visualizar uma linha dourada desde a base da espinha até ao topo da cabeça. Visualizamos essa linha dourada da grossura de um fio de electricidade. Fazêmo-lo nove vezes. Visualizamos então a grossura do fio dourado a aumentar lentamente até atingir a grossura de um lápis. Sentimos a luz dourada desde a ponta da espinha até ao topo da cabeça. Novamente sentimos a expansão da grossura da luz dourada até atingir a grossura de um dedo a fluir desde o topo da cabeça até à base da espinha. Agora, sentimos a luz a expandir-se para uma coluna de luz dourada que flui desde a base da espinha até o topo da cabeça. Visualizamos esta bela coluna de luz dourada a expandir-se lentamente até nos envolver completamente todo o corpo. Ficamos a sentir, pacificamente, essa luz dourada a envolver-nos. Agora, lentamente visualizamos a coluna de luz que nos envolve, a transformar-se num grande ovo de luz dourada que nos envolve completamente. Sentimos a sua paz e também a sua protecção. Tudo o que está dentro desse ovo cintila de energia, alimenta a nossa aura de energia e fortalece-a. Ficamos durante cerca de dois minutos sentindo-nos envolvidos por esse ovo de luz dourada. Depois, começamos a visualizar o encolhimento do ovo dourado. Primeiro sentindo-o voltar à forma de coluna, e depois lentamente sentimo-la encolher até à base da espinha e ao topo da cabeça. Depois sentimo-la a encolher lentamente até ficar do tamanho de um dedo, depois de um lápis, e finalmente, da grossura dum único fio dourado. Agora, sentimos a energia desse fio dourado a fluir desde a base da espinha até ao topo da cabeça e focalizamo-nos no ponto de intersecção das linhas do terceiro olho e do topo da cabeça. Respiramos por nove vezes, sentindo a energia da luz dourada nesse local da cabeça e depois, deixamos a energia fluir de novo para a boca, estômago, baixo abdómen, deixando-a dissolver-se aí lentamente. Respiramos fundo mais umas quantas vezes e sentimos toda a paz e protecção que essa luz dourada nos proporcionou. Sentimos que podemos fazer esse exercício sempre que quisermos, envolver-nos nessa luz dourada e fortalecer a nossa aura com a sua protecção e energia.

Seguidores

Follow by Email

“O que for a profundeza do teu ser, assim será teu desejo.

O que for o teu desejo, assim será tua vontade.

O que for a tua vontade, assim serão teus atos.

O que forem teus atos, assim será teu destino.”

Brihadaranyaka Upanishad

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.

Transforme-se em ti mesmo e descubra quem você é.
Seja LUZ !!!

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR

DEIXE A TUA LUZ BRILHAR
Desperte para a regeneração da alma e do próprio corpo físico, começando por se desintoxicar daquilo que desequilibra a tua saúde física. Depure e purifique teus pensamentos, olhando mais para o Sol da verdade, do que para as nuvens da ignorância. Quem se faz luz não teme a escuridão, nem nevoeiros passageiros. Sabe que tudo que não for essencialmente divino, passa e se transmuta. Sendo assim, transmute-se!